O Crítico Josimar Melo Entrevista o Chef Jacquin

"Fui mais feliz quando era funcionário", diz o francês Jacquin.

Fonte: Folha de São Paulo

 

Tive a "melhor fase da minha vida quando era um funcionário". É o que diz um dos mais importantes chefs da gastronomia francesa em São Paulo Erick Jacquin, que comanda os restaurantes La Brasserie e Tartar&co.

Em entrevista ao crítico da Folha Josimar Melo, Jacquin afirma que ser patrão no Brasil é pior do que na França. "Meu restaurante deveria estar lotado de segunda a segunda, só com a reserva. São apenas 60 lugares, não 2.000. É uma prova de que não é fácil", diz.

Segundo Jacquin, há um destaque excessivo à profissão de cozinheiro hoje no Brasil, o que compromete a qualidade do trabalho. "Não é porque falam de você por 15 dias que vão te ajudar a ser o melhor. Você vai ser o melhor trabalhando e olhando os outros, como eu fiz".

Assista ao vídeo com Jacquin, que está há 18 anos no Brasil.

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

voltar ao topo

Member Login

Pellentesque adipiscing odio eu neque gravida vehicula. Ut ultricies diam vel est convallis non auctor dui scelerisque. Quisque at erat sem
×