Confira o que está rolando no mercado de alimentação no Brasil e no mundo

Máquina automática de batata frita
Um grupo de empreendedores e estudantes holandeses desenvolveu uma vending machine que, em dois minutos, transforma tiras congeladas de batatas em um pote de batata frita, com direito a molho de maionese, curry ou ketchup. A nota triste é que a novidade deve demorar algum tempo até satisfazer o apetite dos interessados. É que ainda se trata de um protótipo dentro do laboratório da universidade de Wageningen, na Holanda.

 

Busger
Um clássico ônibus escolar americano de 1987 foi escolhido para abrigar o Busger, negócio criado pelos sócios Rodrigo Arjonas e Luciano Oberle para vender hambúrguer a bordo de um veículo com 12,5 metros de comprimento. Eles investiram R$ 500 mil no negócio e esperam ter o retorno em um ano. Um segundo ônibus deve ganhar as ruas no fim do ano ou começo de 2016.

Bolo de rolo
Considerado patrimônio cultural e imaterial de Pernambuco, o bolo de rolo ganhou uma nova versão e faz sucesso nas festas. É o bolo de noiva de rolo ou o bolo de rolo de rolo. A versão tradicional é vendida como se fosse um rocambole, mas com uma massa bem fininha. Já a versão para festas é feita camada por camada. Entre as empresas que fazem o doce estão a Dorinha e a Bolos & Tentações Doceria, do casal Bruno Carlos dos Santos e Ana Carla de Andrade.

Yu Yatai
Os sócios Marcelo Yuji Inoue e Jackson Augusto Sardela criaram o Yu Yatai para vender pratos japoneses menos conhecidos dos brasileiros, como o okonomiyaki, uma espécie de panqueca fina frita com vários ingredientes e o takoyaki, um bolinho de polvo. O trailer começou a funcionar em abril após um investimento de R$ 40 mil.

Carne de cordeiro
A empresária Priscila Quirós vive o melhor ano da empresa Quirós, especializada em carnes de cordeiro. A previsão é crescer 30% e fechar o ano com um faturamento de R$ 3 milhões. A ideia de investir na área surgiu após a formatura em administração. "Tem uma cidade com o nosso nome e nossa família cria cordeiros há mais de 100 anos. Aquilo me chamou a atenção e comecei a pesquisar sobre minhas raízes e sobre o mercado de carne de cordeiro", conta Priscila.

Ainda vale a pena investir em pizzarias?
Para quem deseja empreender na área, o coordenador do curso de Administração da Universidade Mackenzie Luiz Carlos Lemos defende que há espaço para todo mundo, desde que haja planejamento e inovação.

Brownie
O brownie é a principal aposta de dez negócios espalhados pelo Brasil. Um deles é o Empório Brownie, de Mila Ary. A primeira loja foi aberta em 2008.

Marketing
Empresas conhecidas trocam benefícios como descontos ou cotas de produtos por espaços no cardápio ou nas latarias dos food trucks.

Bolos especiais
Sabe aqueles bolos que dá até dó de comer? Coloridos, divertidos ou sofisticados, os produtos artísticos despertam o interesse tanto de consumidores quanto de profissionais de olho em um segmento impulsionado principalmente pelos reality shows estilo Cake Boss. Trata-se de um mercado atrativo, mas nada fácil de ingressar.

Suplemento alimentar à base de aveia
Firme combatente dos fast foods e dos cafés da manhã repletos de calorias, o norte-americano Jeff Shuster se arriscou durante cinco anos no preparo de misturas nutritivas que pudessem fazer as vezes de refeições rápidas em um dia atribulado. O empresário chegou à fórmula do Proatmeal, um suplemento alimentar feito à base de arroz e aveia, que pode ser consumido no formato tradicional de shake ou acompanhado de outros alimentos.

Snacks saudáveis
Snacks saudáveis são a aposta de clubes de assinatura. Best Berry, Massau, Made in Natural, Farofa.la e Hisnëk disputam consumidor em busca de opções saudáveis.

Gelo diferente
A ideia da Polar Ice Tray é, a partir de formas de silicone, produzir pedras de gelo livres de cheiro e gosto. Por ser translúcida, é possível adicionar à água pequenos pedaços de frutas para aromatizaro drink. A receita continua sendo a mesma: água e baixas temperaturas. O projeto arrecadou US$ 291 mil no site de financiamento coletivo Kickstarter.

 

Café na bike
A combinação bicicleta e café despertou o interesse dos empreendedores e motivou a criação de pelo menos três negócios desse tipo em São Paulo. Com a ideia de ser uma cafeteria sobre rodas, as bikes circulam em eventos fechados, feiras empresariais e gastronômicas. O modelo tem feito sucesso e as empresas traçam agora planos de expansão. É o caso da relações públicas Marina Bandeira Klink com a bike '1 Café e a Conta'.

Açougue butique
O tradicional conceito de açougue, que conta com paredes de azulejo branco e tem o profissional vestindo avental ensanguentado, têm sido repaginado para ganhar um aspecto mais gourmet. Empresários como Dennis Perlman, da butique de carnes The Butcher, investem dinheiro e energia para atender uma expectativa cada vez maior dos clientes.

Gastronomia
Todo mundo tem um amigo ou membro da família que tem uma habilidade maior com as panelas. São as mesmas pessoas que vivem em busca de dicas sobre culinária. Uma nova plataforma chamada Talk to Chef pretende ajudar os entusiastas a cozinheiros domésticos com dicas de profissionais. O site conecta os usuários com uma rede de chefs via Skype, por chamadas de vídeo.

 

Fonte: Estadão PME

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

voltar ao topo

Member Login

Pellentesque adipiscing odio eu neque gravida vehicula. Ut ultricies diam vel est convallis non auctor dui scelerisque. Quisque at erat sem
×